13.5 C
Ouro Branco

Terceirizado de empresa de energia é demitido depois de ser flagrado arremessando filhote de gato

Anúncios

Um vídeo chocante registrou dois funcionários terceirizados da Equatorial Piauí cometendo maus-tratos a um animal durante atividade operacional em Teresina.

O episódio lamentável, que foi amplamente compartilhado nas redes sociais, mostra um dos funcionários arremessando um filhote de gato sobre um carro da empresa, enquanto o outro assiste e ambos riem da situação.

A Equatorial Piauí, ao tomar conhecimento do caso através das redes sociais, agiu prontamente e demitiu os funcionários terceirizados envolvidos na ação deplorável. Em comunicado oficial, a empresa reforçou seu repúdio a violência contra animais e enfatizou seu compromisso com a ética corporativa e a responsabilidade social.

O escândalo provocou uma onda de indignação e críticas nas redes sociais, com internautas exigindo medidas mais severas em casos de crueldade animal.

A Equatorial Piauí reiterou seu comprometimento em evitar situações semelhantes no futuro, adotando medidas preventivas e reforçando a importância do respeito à vida animal em todas as suas operações e relações corporativas.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos