15.5 C
Ouro Branco

Operação Normandia prende 18 suspeitos por tráfico de drogas, assaltos e morte de policiais no RN

Anúncios

A Operação Normandia, realizada na manhã desta sexta-feira (17), resultou na prisão de 18 pessoas suspeitas de tráfico de drogas, assaltos e envolvimento na morte de agentes da segurança pública.

Uma força-tarefa composta por policiais civis, militares e federais desmantelou uma organização criminosa que atuava no litoral sul do Rio Grande do Norte.

De acordo com as investigações, o grupo movimentava cerca de R$ 150 mil por mês com a prática desses crimes. O dinheiro era repassado para José Kemps Pereira de Araújo, conhecido como Alicate, um dos chefes de uma facção criminosa que atua no estado e apontado como um dos mandantes dos ataques criminosos recentes. Alicate foi preso em janeiro e transferido para o Presídio Federal de Mossoró nesta semana.

Além das prisões, a operação resultou na apreensão de armas e drogas. A força-tarefa contou com o apoio de 150 policiais e do helicóptero potiguar 01 do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

A facção criminosa responsável pelos ataques já havia sido apontada como autora da morte de pelo menos quatro policiais nos últimos três anos, além de outras vítimas de assaltos e violência. A Força-Tarefa Susp de Natal/RN é composta por diversos órgãos de segurança pública para o enfrentamento ao crime organizado no estado.

BALANÇO DAS AÇÕES DAS FORÇAS DE SEGURANÇA: INFORMAÇÕES ATUALIZADAS ATÉ 11h30 DO DIA 17/03/2023

  • 93 suspeitos presos* (sendo 2 adolescentes, 10 foragidos da Justiça recapturados, 1 tornozelado preso com arma de fogo, 1 tornozelado com galão de gasolina)
  • 20 armas de fogo apreendidas
  • 4 simulacros de arma de fogo apreendidos
  • 62 artefatos explosivos apreendidos
  • 23 galões de gasolina apreendidos
  • 10 motos apreendidas
  • 2 carros apreendidos
  • Dinheiro apreendido
  • Drogas apreendidas
  • Munições apreendidas
  • Produtos de furto recuperados

*Dos 93 suspeitos presos, 18 foram na Operação Normandia

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos