Ceará-Mirim: MPRN recomenda transparência em processo seletivo

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou à Secretaria Municipal de Educação Básica de Ceará-Mirim que divulgue as notas de cada candidato do processo seletivo simplificado nº 002/2023. As notas devem ser detalhadas por análise curricular e entrevista, com as especificações dos pontos atribuídos a cada item da análise, no site e nos murais da Secretaria, conforme determina o edital da seleção.

A recomendação, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), pede que as informações sejam disponibilizadas de forma aberta a todos os cidadãos, sem quaisquer exigências de requisição ou apresentação de documentos.

A publicação ministerial é fruto de investigações feitas no âmbito da 3ª Promotoria de Justiça de Ceará-Mirim ao tomar conhecimento de que o mencionado processo seletivo não divulgou publicamente as notas de todos os candidatos. Essa falta de transparência impede o controle social, promovido pela Constituição cidadã, e também o controle institucional do próprio MPRN.

Além disso, a ausência de divulgação das notas viola o próprio edital do processo seletivo, uma vez que esvazia a possibilidade de os candidatos interporem recursos, conforme previsto no item 8 do edital.

O MPRN baseou a recomendação nos princípios constitucionais que regem a Administração Pública, incluindo o da publicidade e o da impessoalidade, conforme artigo 37 da Constituição Federal.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Descubra mais sobre Portal Ouro Branco Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading