Suspeito por matar dono de quiosque de lanches e balear outras duas pessoas é preso no interior do RN

Operação conjunta de buscas entre as polícias Civil e Militar durou 11 dias. Homem de 35 anos foi preso na zona rural da cidade de Jucurutu. Crime aconteceu no dia 28 de maio.

Um homem de 35 anos foi preso nesta quarta-feira (7), na comunidade conhecida como Sítio Loca, na zona rural da cidade de Jucurutu, na região do Seridó. Ele é suspeito por um homicídio e tentativas de homicídio em um quiosque de lanches na praça central de Jucurutu. O crime ocorreu na madrugada do domingo, 28 de maio.

O suspeito esteve foragido desde o momento do crime até a sua captura, efetuada em ação conjunta entre a Polícia Civil e a Polícia Militar. As buscas pelo homem na região duraram 11 dias.

Após a prisão, o suspeito confessou ter atirado contra o proprietário do comércio após uma discussão no local. A vítima é Railton Xavier, de 31 anos, que sofreu um disparo de arma de fogo na cabeça e faleceu dois dias depois no Hospital Walfredo Gurgel, em Natal.

Na fuga, após os tiros contra Railton, o suspeito atirou mais vezes em direção à praça. Os disparos atingiram pelo menos mais duas pessoas. Uma das vítimas, Aléssio Cordeiro de Medeiros, 37 anos, ficou paraplégico.

Buscas

Segundo o major Valdez, comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, a procura pelo suspeito na zona rural de Jucurutu durou 11 dias. Neste período, unidades da região trabalharam de forma integrada nas diligências pela região.

Ainda conforme o oficial, a motivação para o crime gerou uma grande comoção na população, que auxiliou o trabalho dos policiais contribuindo com denúncias e informações até a captura do foragido.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Descubra mais sobre Portal Ouro Branco Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading