12.8 C
Ouro Branco

Hamas diz que vê “positivamente” proposta de cessar-fogo apresentada por Biden

Anúncios

O grupo islâmico Hamas disse nesta sexta-feira 31 que tinha uma visão positiva do conteúdo de uma proposta de cessar-fogo em três fases anunciada pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, para um cessar-fogo permanente em Gaza.

“O Hamas confirma a sua disponibilidade para lidar de forma positiva e construtiva com qualquer proposta que se baseie no cessar-fogo permanente e na retirada total [das forças israelenses] da Faixa de Gaza, na reconstrução [de Gaza] e no regresso dos deslocados para os seus lugares, juntamente com o cumprimento de um acordo genuíno de troca de prisioneiros se a ocupação anunciar claramente o compromisso com tal acordo”, disse o grupo em comunicado.

A posição do Hamas sinaliza uma mudança de atitude por parte do grupo, que nos últimos meses acusou os EUA de se aliarem a Israel e de obstruir as tentativas de cessar-fogo.

“O Hamas vê a posição de Biden agora mais focada em pressionar Israel a retornar às negociações com uma atitude diferente, ou eles (Israel) podem correr o risco de entrar em conflito com os americanos”, disse à Reuters uma autoridade palestina próxima aos esforços de mediação.

As divergências entre o presidente americano e o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, sobre as linhas vermelhas em Gaza criaram um potencial confronto entre os dois líderes, levantando questões sobre se os EUA poderão restringir a ajuda militar se Israel continuar a sua ofensiva na região agora devastada.

O gabinete de Netanyahu disse que Israel autorizou os negociadores a apresentar um acordo de trégua em Gaza depois que Biden revelou detalhes do plano de cessar-fogo.

As autoridades de saúde palestinas estimam que mais de 36.280 pessoas foram mortas em Gaza desde que Israel atacou a região em resposta ao ataque do Hamas em 7 de outubro no sul de Israel. O ataque do Hamas matou cerca de 1.200 pessoas, segundo cálculos israelenses.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos