14.7 C
Ouro Branco

Viúva de Pelé abdica de posto de inventariante da fortuna do jogador

Anúncios

Márcia Aoki, viúva de Pelé, decidiu abdicar de ser a inventariante – pessoa responsável por administrar os bens – da herança deixada pelo Rei do Futebol, segundo a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo.

Viúva de Pelé abdica de posto de inventariante da fortuna do jogador

Conforme a publicação, em petição à Justiça, Márcia diz que quer evitar disputas infrutíferas e que atende a pedido dos filhos de Pelé. O goleiro Edinho, filho do Rei, foi o escolhido para ser o inventariante e, se nomeado, deverá prestar contas aos demais herdeiros.

“A Márcia acha que o bem maior a ser preservado é a boa convivência da família, e a memória de Pelé. Isso está acima de tudo para ela”, disse o advogado que representa a viúva, Luiz Kignel, do PLKC Advogados, à colunista.

Anteriormente, Edinho já havia feito um pedido para assumir o cargo, mas foi negado pela juíza Suzana Pereira da Silva, da 2ª Vara de Família e Sucessões de Santos. Na ocasião, ela pontuou que a viúva é a primeira na ordem de nomeação legal e deveria ser ouvida.

Pelé morreu em 29 de dezembro de 2022, aos 82 anos, vítima de um câncer. Ele era casado com Márcia no regime de separação obrigatória de bens e, por isso, ela não teria direito à herança. No entanto, o Rei do Futebol deixou um testamento destinando 30% dos seus bens para ela. A outra parte será dividida entre filhos e netos.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos