23 C
Ouro Branco

Vídeo: Tensão política em Ouro Branco: Primo do prefeito ameaça vereador da oposição durante sessão

Anúncios

O uso indevido de um veículo oficial deflagrou as ameaças e tentativas de agressões, que só não chegaram as vias de fatos devido à intervenção da turma do, deixa disso

Na cidade de Ouro Branco, no Rio Grande do Norte, uma onda de tensão emergiu na Câmara dos Vereadores nesta segunda-feira (08), quando o primo do prefeito, Felipe Souto, se envolveu em uma acalorada discussão com o vereador de oposição, Josué Josedec (Dedé), durante a sessão ordinária.

O incidente ocorreu após Felipe não gostar do questionamento feito pelo edil, sobre o quê um automóvel pertencente à prefeitura estaria fazendo estacionado na frente da câmara em horário de expediente e questionar quem seria o condutor.(veja vídeo acima).

Testemunhas relatam que a presença desafiadora e provocativa de Felipe na sessão contribuiu para o clima de animosidade que tomava conta do recinto legislativo. A tensão atingiu o ponto máximo quando Felipe aproximou-se de Dedé na cozinha da câmara de forma ameaçadora e proferiu palavras intimidantes.

O cerne da controvérsia remonta à utilização imprópria dos carros oficiais por parte de Felipe e de outros funcionários. Fazendo uso do veículo durante o horário de trabalho, ele compareceu à Câmara Municipal, desencadeando críticas da oposição e atraindo atenção para práticas questionáveis dentro da administração.

É importante enfatizar que Felipe Souto foi designado para o cargo de motorista durante a gestão de seu primo, o prefeito Samuel Souto (PL). O prefeito criou doze vagas para motoristas, o que viabilizou a convocação de seu parente para ocupar um desses postos.

Até o fechamento deste artigo, o presidente da Câmara Municipal de Ouro Branco, Paulo Dantas (PP), não emitiu uma declaração formal sobre o ocorrido em sua própria casa legislativa. Além disso, nenhuma medida de segurança foi tomada em relação ao episódio, deixando incertezas sobre como a situação será tratada no âmbito político local.

O embate entre o primo do prefeito e o vereador da oposição não só evidencia as tensões políticas que permeiam o município de Ouro Branco, mas também levanta questões sobre a conduta ética e transparente na atual administração.

Certamente, este incidente não passará desapercebido pela população, que ansiosamente aguarda uma resposta das autoridades competentes sobre as medidas a serem tomadas diante deste caso. Já que em Ouro Branco é comum presenciar o uso de veículos oficiais da prefeitura sendo usados indevidamente.

O que diz a lei sobre a conduta ilícita – utilização indevida dos recursos públicos em proveito próprio. 

A Lei de Improbidade Administrativa eleva a tutela do interesse público em vista do poder concedido àquele que atua diretamente perante a administração, impondo penalidade aos agentes que se utilizam das prerrogativas ofertadas pelos cargos que ocupam ou funções que desempenham em benefício próprio ou alheio.

LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992

O caso foi levado as autoridades policias e foi lavrado um B.O em desfavor do primo do prefeito.

Boletim de ocorrência em de… by OB News

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos