Polícia prende grupo criminoso suspeito de furtar dinheiro de idosos em filas de bancos da PB, RN e PE

Um grupo criminoso suspeito de furtar dinheiro de idosos em filas de banco foi desarticulado em uma operação do Grupo Tático Especial (GTE) da cidade de Monteiro, que resultou em quatro prisões e seis mandados de busca e apreensão cumpridos nas cidades de Boqueirão, Alcantil e Caraúbas. Idosos da Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte foram lesados com a prática.

De acordo com a Polícia Civil, os mandados judiciais são fruto de uma investigação que apurou que o crime do grupo consiste em oferecer uma suposta “ajuda” a pessoas idosas, preferencialmente, em caixas eletrônicos no interior de agências bancárias.

Somente na cidade de Monteiro, no Cariri paraibano, foram registrados 14 boletins de ocorrência de pessoas vítimas da organização criminosa.

“Nessa suposta ajuda, os criminosos aguardam as vítimas digitarem a senha nos terminais eletrônicos e, após isso, conseguem, de forma ardil, levar os idosos para outro caixa. Nesse momento, um comparsa do grupo subtrai o dinheiro da vítima no primeiro caixa eletrônico”, explicou o delegado Sávio Siqueira, que está à frente das investigações sobre o caso.

Na operação que prendeu quatro suspeitos, uma arma de fogo e munições foram apreendidas com um dos investigados.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Descubra mais sobre Portal Ouro Branco Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading