24 C
Ouro Branco

Paulo Dantas recebeu PF de cueca em SP e não quis passar senha de celular

Anúncios

O governador afastado de Alagoas e candidato à reeleição Paulo Dantas (MDB) recebeu a Polícia Federal (PF) de cueca no quarto 501 do Hotel Unique, na zona sul de São Paulo, na semana passada.

A batida foi feita na segunda fase da Operação Edema, que investiga se o emedebista operou um esquema de desvio de salários de funcionários parlamentares quando era deputado estadual.

O relatório assinado pelo delegado federal Emanuel Fernandes e Souza aponta que o governador “ficou calmo durante todo o cumprimento do mandato” de busca e apreensão. A PF apreendeu R$ 14 mil em dinheiro vivo, o celular e o tablet do emedebista. De acordo com o relatório, ele não quis passar a senha dos aparelhos, “mesmo após intensa argumentação” do delegado.

O documento diz ainda que Dantas estava acompanhando de uma mulher, que “estava debaixo do edredom, sem a parte de cima do sutiã”. O celular dela também foi apreendido. O governador é casado com Marina Dantas, que é prefeita de Batalha, município de 18 mil habitantes a 180 quilômetros de Maceió.

Paulo Dantas foi o candidato mais votado no primeiro turno e segue líder nas pesquisas de intenção de voto. Ele foi afastado do cargo pela Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) até o final do mandato. O afastamento é cautelar, para preservar a investigação, mas não afeta a candidatura à reeleição. Ele nega irregularidades e diz que a investigação tem motivação política.

Estadão Conteudo

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos