23 C
Ouro Branco

OURO BRANCO: Cenário Político Radicalizado e os nomes de um possível vice do Prefeito Samuel Souto

Anúncios

O município de Ouro Branco, localizado na região do Seridó do Rio Grande do Norte, atualmente tem se destacado negativamente por sua política radicalizada e uma gestão autoritária.

Com 3.900 eleitores aptos a decidirem o futuro da cidade, o atual prefeito Samuel Souto, filiado ao PL, enfrenta desafios políticos e intrigas interna, que afetam diretamente a sua tentativa de reeleição. Segundo dizem as más línguas, o maior inimigo de Samuel, está dentro de sua própria casa, para as pessoas que estavam próximas do local onde ocorreu o vexame durante a entrega das comendas da festa da colheita, ficou mais que comprovada essa afirmação.

Nos bastidores da política local, já é de conhecimento público que Samuel está considerando três nomes para compor sua chapa nas eleições de 2024. Os vereadores Dr. Araújo e Júnior Nogueira são cogitados e, segundo informações, devem assinar a ficha do PL bolsonarista, outro nome que ganhou força é o do professor Milton Dantas, irmão do presidente da Câmara, Paulo Dantas.

Interlocutores dizem ainda que o prefeito não consegue esconder a preferência pelo nome de Dr. Araújo para compor a chapa como seu vice nas eleições de 2024. “Ele considera que por ter uma grande experiência, Araújo, seja mais preparado que os demais para ser seu vice” disse um apoiador do prefeito.

Ingratidão e traições em Ouro Branco 

O prefeito Samuel Souto, decidiu romper com o seu vice, Justino Gomes Neto (Justino do Cartório), após ele declarar fidelidade e apoio a ex-prefeita Fátima Silva (ADOUTORA). Fátima Silva, é a maior liderança política atualmente em Ouro Branco, com força e popularidade que continuam crescendo, representando uma séria ameaça a qualquer pretensão de reeleição por parte do atual prefeito.

Vale ressaltar que o atual Prefeito de Ouro Branco, Samuel Souto, foi eleito com o apoio da ex-prefeita Dra. Fátima, a quem ele trairia dias após ser eleito.

Samuel Souto decidiu vincular sua decisão partidária àquela tomada pelo deputado João Maia, revelando uma falta de autonomia e liderança própria. Essa postura do prefeito tem gerado questionamentos sobre sua capacidade de tomar decisões independentes e de representar os interesses da população de Ouro Branco.  

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos