13.9 C
Ouro Branco

“Extrema-direita capturou as redes sociais”, afirma Moraes sobre o 8/1

Anúncios

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes declarou que a “extrema-direita capturou todas as redes sociais” para atacar a democracia. A declaração do magistrado aconteceu durante seminário na Fundação Fernando Henrique Cardoso (FHC), em São Paulo, na manhã desta sexta-feira (31/3).

“Nós tivemos, no mundo todo, uma captura pela extrema-direita das redes sociais com uma clara finalidade: o ataque à democracia, a quebra das regras democráticas. De forma absurdamente competente, a extrema-direita primeiro diagnosticou e depois capturou todas as redes sociais”, explicou Moraes.

O ministro destacou que a “captura” das redes sociais também aconteceu na Polónia, Hungria, Itália e nos Estados Unidos. Para o magistrado, a extrema-direita conseguiu diagnosticar a possibilidade dentro das plataformas e passaram a divulgar informações falsas contra a democracia.

Uma das estratégias utilizadas pelos extremistas para atacar a democracia foi a descredibilização da imprensa nacional, segundo o ministro Alexandre de Moraes.

“A extrema-direita domina as redes. É impressionante a incapacidade do restante da sociedade em pelo menos equilibrar. Mas como se iniciou isso? Desacreditando a imprensa. ‘Vamos atacar e desacreditar a imprensa’. A ideia foi: ‘vamos equiparar nossa notícia, a notícia fraudulenta, mentirosa, conhecida como fake news, vamos equiparar desinformação com informação, com a vantagem de que a nossa desinformação é irresponsável, a imprensa tem responsabilidade pelo que divulga. As redes, não’”, destacou Moraes.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos