Brasil não apoiará arbitrariedades em conflito Venezuela-Guiana, diz ministro da Defesa

O ministro da Defesa, José Mucio, afirmou à CNN que o presidente Lula assegurou que o Brasil não respaldará nenhum ato de arbitrariedade e que a questão entre Venezuela e Guiana deverá ser resolvida diplomaticamente.

Durante a reunião, o presidente demonstrou tranquilidade, destacando a postura brasileira em evitar apoio a medidas arbitrárias. Mucio ressaltou que não dispõe de informações suficientes para prever uma escalada para um conflito armado.

“Eu não sei o que vai acontecer. É uma disputa entre dois países. Temos que ter cuidado para não nos envolvermos. A comunidade internacional lidará com o restante”, afirmou.

O ministro enfatizou a responsabilidade da Defesa em monitorar as fronteiras, mencionando que, por enquanto, não há novidades nesse sentido. No entanto, expressou confiança de que Maduro não provocará o Brasil.

Fonte: CNN

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Descubra mais sobre Portal Ouro Branco Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading