25.1 C
Ouro Branco

Atestados médicos e exames de Covid: suspeito de vender documentos falsificados pelas redes sociais é preso em Natal

Anúncios

Um homem de 28 anos foi preso na tarde desta terça-feira (23) em Natal suspeito de vender atestados médicos, exames de Covid e outros documentos falsos pelas redes sociais.

Após uma denúncia anônima, ele foi detido em flagrante na comunidade da Guarita, no bairro do Alecrim, na Zona Leste da cidade. Na delegacia, o suspeito confessou negociar os documentos a partir de R$ 30.

Os policiais encontraram na casa do suspeito um celular com divulgações em áudio e em texto da comercialização de serviços e documentos nas redes sociais.

Além do atestado e dos exames para Covid, o suspeito oferecia: certificado de conclusão do ensino médio, carteira de estudante, teste de gravidez, exame toxicológico, medicamentos sem receita e até Cytotec (pilula que induz ao aborto). (Veja na imagem mais acima uma postagem do suspeito).

A equipe do 1º Batalhão da Polícia Militar, responsável pela prisão, encontrou também documentos com carimbos e assinaturas falsificadas, além de medicamentos ilegais.

A ocorrência foi conduzida para a 3º Delegacia de Polícia Civil.

Atestados médicos e exames de Covid

A Polícia Civil informou que a compra dos atestados acontecia por meio do WhatsApp, por intermédio dos anúncios feitos nas redes sociais do suspeito. Na delegacia, ele confessou o crime e disse que vendia cada falsificação entre R$ 30 e R$ 40. Ele será responsabilizado por múltiplas falsificações de documento público.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos