15.8 C
Ouro Branco

Após briga, motorista joga carro contra grupo de pessoas, mata homem atropelado e é espancado em Natal

Anúncios

Caso aconteceu na Redinha, na Zona Norte de Natal, na madrugada deste domingo (27). Homem de 44 anos morreu e PM informou que mais uma pessoa ficou ferida. Motorista joga carro contra grupo de pessoas, mata um e é espancado

Um motorista atropelou e matou um homem de 44 anos de idade na madrugada deste domingo (27) na Redinha, na Zona Norte de Natal, após uma discussão em uma conveniência onde estava bebendo. Ele acabou preso. A vítima fatal foi identificada como Adriel Gomes Teixeira.

De acordo com a Polícia Militar, após a discussão no local, o homem entrou no carro e dirigiu contra um grupo de pessoas, atingindo e matando uma delas. Imagens publicadas nas redes sociais mostrararam o momento do atropelamento (veja vídeo).

O caso aconteceu na Rua Conselheiro Tristão durante a madrugada. Após a briga, o homem entrou no veículo e dirigiu em velocidade contra um grupo de pessoas, que seguram e arremessam pedras e outros objetos contra ele.

Crime aconteceu na Redinha, na Zona Norte de Natal

O veículo só parou ao ser travado pela moto onde estava um dos atropelados. Com o carro parado, o suspeito sofreu uma tentativa de linchamento, sendo espancado e apedrejado pelas pessoas que estavam no local até a chegada da PM.

Testemunhas contaram que o homem já tinha atropelado uma pessoa quando retornou e jogou o carro contra o grupo mais uma vez.

“Disseram que tinha tido pequena confusão na conveniênica, um rapaz se deslocou até o carro e atropelou um, foi até lá na frente, voltou na prória contramão e atropelou mais três”, contou uma testemunha que preferiu não se identificar.

A PM não confirma, no entanto, que mais três pessoas tenham sido atropeladas. Segundo a corporação, mais uma pessoa foi atingida, mas sem risco de morte.

A testemunha disse ainda que o suspeito recebeu socos, pedradas e até facadas das pessoas que estavam no local após o carro ter parado.

De acordo com a Polícia Militar, o homem foi preso e levado para a Delegacia de Plantão da Zona Norte de Natal. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos