18 C
Ouro Branco

Prouni: inscrições para o 2º semestre de 2023 abrem nesta terça (27)

Anúncios

O Ministério da Educação abriu nesta terça-feira (27) as inscrições para os estudantes interessados em participar da seleção para o Programa Universidade para Todos (Prouni), que destina bolsas integrais e parciais de 50% em universidades particulares de todo o país. O período de inscrições para o Prouni deste segundo semestre vai até sexta-feira, dia 30. 

Para realizar a inscrição o estudante deve acessar a aba do Prouni no Portal Único de Acesso ao Ensino Superior. Esta é a plataforma digital do Ministério da Educação que reúne ainda informações acerca do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).

Nesta edição do Prouni os estudantes poderão utilizar as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) realizados em 2021 ou em 2022. Para quem prestou o Enem nos dois últimos anos, o sistema considerará a nota mais alta obtida nas provas.

É válido lembrar que o estudante não pode ter tido média inferior a 450 pontos no Enem, assim como não pode ter zerado a redação, realizado o exame como treineiro ou ter outra graduação completa.

A primeira chamada para a matrícula dos selecionados será no dia 4 de julho e a segunda chamada poderá ser conferida no dia 24 de julho. A matrícula deve ser feita diretamente na instituição em que o estudante garantiu a vaga.

Aqueles que não forem contemplados nas duas chamadas regulares podem ainda solicitar para participar da lista de espera, que estará aberta para inscrições nos dias 14 e 15 de agosto. A lista de espera, que destina as vagas ociosas aos interessados, será divulgada no dia 18 de agosto. Este processo também é todo feito por meio do Portal Único.

O Prouni foi criado em 2004 com o objetivo de ofertar bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de universidades e faculdades privadas, sejam elas particulares ou comunitárias. Concorrem às bolsas integrais os estudantes que possuem renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo, enquanto as bolsas parciais de 50% do valor total do curso são disputadas por aqueles que possuem renda familiar de até três salários mínimos por pessoa.

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos artigos